Ifac institui painel permanente para antecipar tendências na Contabilidade mundial

Por Maristela Girotto
Comunicação CFC

Identificar as tendências que irão trazer impactos à Contabilidade mundial, com a finalidade de implementar, em tempo oportuno, mecanismos capazes de auxiliar os profissionais a absorverem essas mudanças de forma positiva. Com esse objetivo, a Federação Internacional de Contadores (Ifac, na sigla em inglês) alterou seu modelo dedicado à educação contábil e criou um painel permanente para prover aconselhamento estratégico, além de auxiliar no processo de edição e revisão de normas.

O professor Fábio Moraes da Costa, que integrava o Grupo Consultivo do International Accounting Education Standards Board (Iaesb), indicado pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC), com apoio do Instituto dos Auditores Independentes do Brasil (Ibracon), faz parte do painel da Ifac. “Estamos fazendo a transição para o novo modelo de painel”, afirma o professor, único representante da América do Sul no grupo, que é constituído por 22 profissionais, divididos entre membros da academia e do mercado.

De acordo com Costa, o Iaesb vinha funcionando no mesmo padrão dos demais conselhos deliberativos da Ifac – International Public Sector Accounting Standards Board (Ipsasb), International Auditing and Assurance Standards (Iaasb) e International Ethics Standards Board (Iesba) –, que são responsáveis por todo o processo de edição de normas. A partir de meados deste ano, o próprio conselho da Ifac passou a ter a responsabilidade pela aprovação das normas de educação.

“O modelo foi repensado e resultou na criação do painel, para atuar não só na área de regulação, mas também para poder antecipar tendências na contabilidade. O objetivo é o de que a profissão esteja preparada para as novas exigências do mercado, incluindo novas habilidades”, explica Costa.

A profissão tem sido bastante afetada pelas mudanças tecnológicas, e isso, segundo o professor, traz uma série de desafios, mas também oportunidades para o futuro. “Hoje muita gente está preocupada com a automação na contabilidade, porém, há novos segmentos sendo criados”, disse ele, acrescentando que, diante dessa realidade, a Federação Internacional sentiu a necessidade de identificar cenários plausíveis, para que a profissão possa se preparar para as mudanças.

Para Costa, nunca antes houve um cenário em que as coisas mudassem tão rápido, e a Ifac, com a criação do painel, está sendo proativa, preparando a profissão para assimilar as tendências e contextos futuros.

Além do trabalho do painel, a Federação está buscando maior engajamento e feedback, com as entidades membros e com os demais stakeholders, para antecipar as tendências. “Está sendo criada uma pesquisa, que será feita com as entidades, e preparada a participação em eventos, na área de educação, para ajudar a Ifac a identificar caminhos possíveis”, afirma Costa.

Deixe um comentário

Comentário (requeridos)

Você pode usá-los HTML tags e <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Nome (requeridos)
O email (requeridos)